Como escrever uma história em 2018

A escrita para videojogos tem vindo a mudar nestes últimos anos, especialmente com a chegada da atual geração e do foco mais acentuado nas plataformas digitais e nos conteúdos pagos. Para um guionista, o guião não se pode apenas restringir a uma narrativa com princípio, meio e fim, e sim ponderar o universo da história como um todo, onde a qualquer momento poderá ser necessário adicionar novos episódios ou DLC que expandem a história do jogo – mesmo que a ideia original invalidasse quaisquer hipóteses de uma sequela. É este o mundo em que vivemos e, meu deus, ele é belo! Continue a ler “Como escrever uma história em 2018”

Anúncios

Final Fantasy XV: As mágoas de um fã

Vocês já escreveram um texto que achavam ser fenomenal e que foi completamente trucidado pelos vossos colegas? Isso aconteceu esta semana, dois dias antes de entregar a versão final e com o tempo a contar. Sentia mesmo que a primeira versão estava fantástica. Tinha humor, suspense e aventura – era um pacote completo para uma tarde bem passada. Era, aliás, o equivalente a um daqueles pacotes da Odisseia para duas noites com jantar incluído.

Continue a ler “Final Fantasy XV: As mágoas de um fã”