Bayonetta 1 &2 | Glitch Review

Depois de uma estreia aclamada pela crítica e de uma passagem pela já defunta Wii U, Bayonetta parecia estar condenada ao esquecimento. Apesar da sua ação frenética, do seu sistema de combinações variado e profundo, e da mestria de Hideki Kamiya e da sua PlatinumGames, a bruxa mais sexy dos videojogos parecia não estar destinada a ocupar um lugar no panteão do género. Até agora. Continuar a ler “Bayonetta 1 &2 | Glitch Review”